Saúde Amazonas

Serviço de Mastologia da FCecon retoma reuniões para discutir melhores opções de cirurgia para as pacientes

Com a diminuição dos índices no segundo semestre de 2021, segundo ela, o hospital decidiu voltar a oferecer o serviço

24/08/2021 19h50
Por: Redação Fonte: Secom Amazonas
Foto: Reprodução/Secom Amazonas
Foto: Reprodução/Secom Amazonas

Com o objetivo de discutir casos cirúrgicos e melhores opções para as mulheres que irão passar pela mastectomia – cirurgia de retirada parcial ou total da mama –, aFundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas(FCecon), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), retomou, nesta terça-feira (24/08), as reuniões de mesa-redonda do serviço de Mastologia. O encontro é realizado às terças-feiras, no auditório Dr. João Batista Baldino, localizado no 3º andar. 

Segundo a gerente do serviço de Mastologia, mastologista Hilka Espírito Santo, os encontros estavam suspensos há um ano e meio devido ao aumento no número de casos e de mortes ocasionadas pelo novo coronavírus (Covid-19). Com a diminuição dos índices no segundo semestre de 2021, segundo ela, o hospital decidiu voltar a oferecer o serviço.

As reuniões de mesa-redonda, conforme a mastologista, contam com a presença de médicos, residentes e profissionais de outros serviços hospitalares. Ela explicou que o caso de cada paciente é analisado por uma equipe de profissionais, em que se define a melhor conduta terapêutica. “O objetivo é sanar todas as dúvidas sobre a cirurgia. Ela (paciente) também ouve os profissionais envolvidos no processo de tratamento pelos quais irá passar, por exemplo, enfermeiros, fisioterapeutas e psicólogos”, pontuou.

Aprendizado

Segundo a mastologista, a reunião também é um momento oportuno para residentes e estudantes aprenderem mais sobre as práticas clínicas adotadas no tratamento do câncer, que mudam dependendo do caso concreto que se apresenta. 

Primeira vez

Para a paciente Maria da Conceição Vieira dos Santos Carneiro, 61, as expectativas de passar pela reunião de mesa-redonda são as melhores possíveis. Ela disse que foi a primeira vez que passou pelo encontro, sendo uma oportunidade para ouvir os médicos sobre a conduta que será adotada para o seu caso.

“Sou paciente da FCecon desde 2017, quando realizei o tratamento para um câncer na mama esquerda. Fiz cirurgia, radioterapia e quimioterapia, mas o tumor voltou após quatro anos. Hoje, faço bloqueio hormonal e tenho esperança que dará tudo certo”, frisou.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias