Saúde Tocantins

Secretaria da Saúde realiza encontro para monitorar e avaliar indicadores da Atenção Primária

Equipe técnica reuniu-se nesta sexta-feira, 29, no auditório do Ministério da Saúde

29/04/2022 16h40
Por: Redação Fonte: Secom Tocantins
Propostas para melhoria da saúde nos municípios foram discutidas durante a reunião - Foto: Mariana Ferreira/Governo do Tocantins
Propostas para melhoria da saúde nos municípios foram discutidas durante a reunião - Foto: Mariana Ferreira/Governo do Tocantins

A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) promoveu nesta sexta-feira, 29, uma reunião com o grupo técnico para monitoramento e avaliação dos indicadores do Programa Previne Brasil. O evento foi coordenado pela Superintendência de Políticas de Atenção à Saúde (SPAS) e pela Diretoria de Atenção Primária (DAP).

Na reunião, foram apresentadas as análises dos indicadores e realizada a priorização dos municípios, a partir de critérios já validados em reunião anterior. Os principais objetivos do encontro foram validar as ferramentas que serão utilizadas, a fim de possibilitar uma análise sistemática e estruturada dos dados e, ao mesmo tempo, permitir a identificação de problemas, bem como o estabelecimento de prioridades e a formulação de propostas de intervenção, que orientem as ações e os serviços.

O grupo técnico é composto por servidores das diretorias de Atenção Primária, Especializada, da Superintendência de Vigilância em Saúde e da Superintendência de Gestão e Acompanhamento Estratégico.

“Analisar os indicadores é fundamental. Precisamos tomar decisões com base em evidências e alicerçadas em situações que de fato ocorreram e que precisam da explicação de todos os entes. Fazemos a análise, de forma objetiva, em cima dos serviços que temos e como eles são oferecidos para a população, para resolvermos os problemas e propormos soluções”, explicou a diretora de Instrumentos e Planejamento para Gestão do Sistema Único de Saúde (SUS), Misia Saldanha Figueiredo.

A diretora de Atenção Primária da SES-TO, Laudecy Alves, finalizou dizendo que “a união de esforços e a integração das áreas certamente contribuirão para a melhoria dos indicadores e das condições de saúde da nossa população".

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias